fbpx

A geriatria é a vertente da medicina que atende especificamente a saúde da pessoa idosa. Já o geriatra é aquele profissional qualificado para atender essa população, orientando, prevenindo e tratando doenças que tenham relação com a longevidade ativa e que demandam uma atenção extra.

Além de propor tratamentos para doenças que o idoso já possua, esse profissional também atua de maneira preventiva. Ou seja, faz parte de sua atividade orientar as pessoas e auxiliar para uma longevidade plena. Dessa forma, frequentemente são feitas tanto sugestões assertivas de atividades físicas na terceira idadequanto por hábitos que possam prevenir o alzheimer enquanto há tempo.

Quem pode se especializar em Geriatria?

A geriatria é uma especialidade médica, assim como a pediatria e a ginecologia. Como tal, ela exige que o profissional detenha um diploma de médico e então faça um curso de especialização.

Para seguir com essa profissão, no entanto, o profissional precisa contar com alguns aspectos essenciais, que serão amplamente utilizados nos cuidados com as pessoas idosas, tais como:

  • Paciência;
  • Gentileza;
  • Disposição.

Essas são apenas algumas das características essenciais. Certamente, esse médico precisa ser gentil e deve lhe prestar um excelente atendimento. Vale lembrar que qualquer problema que você tenha com o seu geriatra deve ser imediatamente comunicado. Conheça mais sobre o trabalho do geriatra nesta matéria contando mais sobre ações no hospital de Juiz de Fora (MG). Veja que bacana.

O que esperar de um médico geriatra?

O médico geriatra vai lhe prestar um atendimento que vai além da análise quadros clínicos. Ele também pode ser um excelente conselheiro, lhe dando dicas de como levar uma vida mais saudável e mais equilibrada.

Então, ele passeará por assuntos como bem-estar, alimentação e poderá até abordar outros temas, como relacionamentos e depressão. É importante que o idoso tenha plena confiança e se sinta à vontade com esse médico.

Tarja com convite para acessar o modelo de caderneta de consultas anuais de rotina

Entenda o que é e como acontece uma Avaliação Geriátrica

A avaliação geriátrica precisa ser diferente da avaliação médica padrão, pois deve cumprir com as demandas específicas dessa faixa etária. O médico, nesse caso, precisa entender como é a vida do idoso e até mesmo como é seu círculo familiar.

Pode ser feita o que chamamos de avaliação geriátrica ampla, quando o médico analisa o comportamento, a vida, além de incluir testes e análises psicossociais para entender melhor a condição daquela pessoa. É uma consulta que costuma demorar bem mais do que as demais.

Esse médico precisa lidar com doenças de diferentes segmentos, como problemas de diabetes, hipertensão e até mesmo demência, que são quadros que acabam afetando as pessoas idosas.

De modo geral, os acompanhamentos na geriatria são feitos em parceria com equipes multidisciplinares, que auxiliam na compreensão geral a respeito da vida do idoso.

Geriatria: Quando procurar um especialista?

Geriatria Médico Geriatra

Você já entendeu que a geriatria é a área da medicina que se dedica em acompanhar a saúde e o bem-estar da pessoa idosa. Esses profissionais abordam diferentes temas e trabalham não somente com atendimento a quadros clínicos, mas também atuam na prevenção de doenças e sugerem tratamentos paliativos.

Mas qual será a hora certa de procurar a geriatria? E com qual frequência o idoso precisa fazer visitas a esse médico? Essas são questões muito comuns.

As doenças crônicas costumam ser os maiores problemas do envelhecimento. Com o passar dos anos, as pessoas acabam se encontrando em quadros irreversíveis – e que podem trazer inúmeras dificuldades.

Pensando nisso, vale a pena considerar que o geriatra pode “prever” essas doenças e identificar quais são os maiores riscos. Por isso é recomendado que ele seja procurado antes dos 60 anos.

Pessoas com 50, 40 ou até na casa dos 30 já podem agendar essa consulta. O médico fará um atendimento consultivo e preventivo, ajudando você a prevenir contra os males.

  • Deixe o preconceito de lado e preze pelo seu bem-estar.

Muitas pessoas têm preconceito a respeito da procura por geriatra. Isso porque elas sentem como se estivessem “admitindo” que possuem alguma fragilidade e que por isso precisam dessa especialidade.

Mas a verdade é que o processo de envelhecimento humano começa a dar sinais aos 30 anos. Independente de você admitir ou não, isso vai acontecer e é melhor que seja com saúde e tranquilidade, certo?

Tarja convidando a acessar o modelo de lista de consultas anuais de rotina para atentar seu familiar idoso

Veja os bons motivos para procurar um médico geriatra

Existem diversos motivos para procurar a geriatria. Um dos principais é que essa especialidade vai lhe ajudar a olhar com mais carinho para o seu corpo. A geriatria pode lhe ajudar de maneira antecipada a se preparar para o que está por vir.

Podemos dizer que se trata de um processo de gestão do seu próprio corpo. Ou seja, um jeito de você gerenciar os problemas que vão surgir, ou que as chances são maiores de aparecer, da melhor forma possível.

Envelhecer é normal e o corpo sente essas mudanças. Nem de longe isso significa que o idoso precisa ser pego de surpresa, ou que ele deve sofrer com a qualidade de vida comprometida – é possível que tudo se ajeite.

Assim, é através da geriatria e das consultas periódicas (pelo menos duas vezes ao ano para pessoas idosas saudáveis) que você aumentará as chances de se ter uma vida muito mais controlada e infinitamente mais feliz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu
Precisa de ajuda?