Se você quer saber mais sobre tecnologia para idosos  e já se perguntou como ajudar a aumentar a autonomia no uso de aplicativos do seu familiar com 50 ou +60 anos, este breve texto é para você.

Com a necessidade de distanciamento físico causada pelo Covid, milhares de pessoas idosas perceberam uma urgência em aprender a usar diversas ferramentas tecnológicas do cotidiano que antes eram resolvidas por seus familiares.

Por conta dessa demanda crescente, diversas iniciativas criaram serviços que tem o objetivo de ajudar as pessoas sêniores a ter um maior suporte digital durante sua jornada de aprendizado.

Levando em conta o aumento da concorrência das opções disponíveis, uma delas tem se mostrado bastante interessante para familiarizar as tecnologias para idosos.

Estou falando dos cursos online especializados em pessoas 50+ e 60+. Confesso que em um primeiro instante, quando ouvi falar disso, a minha primeira impressão foi “isso jamais vai dar certo”.

Afinal de contas, como é possível realizar um curso online para alguém que quer aprender a estar mais online?

Para desconstruir essa minha falsa crença, uma pesquisa recente feita pela empresa Integrar Gerações com +900 pessoas idosas descobriu que 53% de idosos com acesso a internet participaram de aulas online durante a pandemia.

Com o tempo, percebi que o processo de aprendizado de pessoas idosas, para ser efetivo, precisa ser desenhado com cuidado.

Pensando em te ajudar a entender melhor como escolher um ótimo curso que realmente ajude os familiares idosos a conquistar a sua independência digital, elegi 3 critérios principais que devem ser analisados dentre todas as opções que você tiver listado.

Confira agora mesmo!

Credibilidade da empresa

treinamento sobre tecnologia para idosos

Com o crescimento da quantidade disponível de empresas que querem oferecer cursos online sobre tecnologia para idosos, é essencial validar a seriedade de cada uma.

Isso realmente pode ajudar a prevenir futuras dores de cabeça e, ao mesmo tempo, incentivar uma jornada de aprendizado digital com diversão e tranquilidade ao familiar sênior.

Isso porque as empresas que têm um propósito com forte ligação com o público idoso tendem a oferecer um serviço e atendimento com maior qualidade do que aquelas que simplesmente querem lucrar.

Sendo assim, alguns pontos que valem a pena serem coletados antes de comprar um curso sobre tecnologia para idosos:

Antes de continuar, te convido a dar uma olhadinha nesses outros conteúdos que podem ser úteis para entender melhor como funciona na prática um curso especializado em ensinar tecnologias básicas do dia a dia para pessoas idosas:

 

Metodologia assertiva para estimular o  uso de tecnologia para idosos

metodologia para ensinar tecnologia para idosos

Depois de algum tempo trabalhando próximo ao público idoso, pude entender que o processo de aprendizado nessa faixa etária funciona de forma diferente quando comparado aos mais jovens.

Isso porque a capacidade de gerar novas conexões está mais limitada do que antes e o aprendizado acontece através de diversas repetições da mesma tarefa.

É importante frisar isso.

Muitas vezes quando ensinamos uma pessoa idosa a usar um aplicativo de seu interesse, no momento da “lição” parece que tudo está tão claro para ela.

Entretanto, após alguns dias sem uso, é natural que boa parte daquele aprendizado tenha sido esquecido; e isso é perfeitamente natural na verdade.

A partir disso, como uma metodologia de ensino poderia potencializar esse aprendizado?

Para identificar o quanto assertivo é um método de uma empresa de cursos online para pessoas idosas, busque analisar:

Em relação aos materiais de apoio, reforço a sua importância, pois são eles que vão ajudar a trazer mais confiança sobre o uso de tecnologia para idosos a resgatar os aprendizados quando tiverem dúvidas ao lembrar.

É comum ouvir familiares mais jovens, que já tentaram ensinar a mesma lição diversas vezes ao idoso, falarem que estão impacientes ou cansados de repetir o que já foi passado antes.

Isso não é legal e pode desestimular a confiança do idoso em querer persistir no aprendizado e ainda se sentir incapaz.

Por isso, os materiais de apoio são tão importantes, pois são mais convidativos para que a pessoa idosa revisite quantas vezes quiser, estando livre de qualquer sentimento de constrangimento.

Nós aqui da Broder Online gostamos muito de disponibilizar uma apostila interativa com todos os tutoriais práticos das lições. O formato dela é digital e pode ser facilmente impressa para ser possível anotar no papel.

Além disso, oferecemos micro vídeos com o passo a passo para realizar cada tarefa, funcionando como uma “prova real” quando a dúvida persiste.

Isso ajuda muito quando o idoso quer tirar uma dúvida muito pontual de forma ágil.

Agora sobre o formato das aulas, sugiro que seja escolhido um curso que trabalho com o formato ao vivo, pois isso facilita na conexão pessoal do mentor com os alunos e até encorajando durante o processo de aprendizado.

Para isso, é preciso que a empresa realize as aulas por videochamadas através de um software seguro e fácil para acessar, como Google Meet ou Jitsi.

 

[rock-convert-cta id=”10724″]

Acessibilidade do valor

Por fim, de nada adianta se a empresa tiver credibilidade e uma ótima metodologia, se o custo não for viável.

Muitas pessoas perguntam o por quê dos cursos para idosos não serem gratuitos, já que eles contribuíram tanto durante toda a vida para a sociedade.

De fato, a vontade que dá é que realmente fosse possível tornar sem custo, porém como existem diversas pessoas que priorizam esse trabalho, até para poder entregá-lo com real qualidade, elas precisam ser remuneradas.

Mesmo assim, é realmente possível tornar o valor acessível dos cursos de tecnologias para idosos de diversas classes sociais.

Diferencial de cursos sobre tecnologias para idosos

Um último ponto que acho super válido compartilhar, que pode ser um diferencial dentre as opções de cursos disponíveis é o formato das aulas.

Nos últimos meses, percebemos que mulheres idosas preferem participar de aulas em grupo, até para se sentirem mais seguras.

Enquanto isso, notamos que homens preferem participar de aulas individuais ou até estudar por conta própria com o material de apoio.

Nós da Broder Online oferecemos em ambos os formatos, tanto em grupo quanto individual e o que posso dizer é que quanto mais pessoas fazendo junto, mais divertido e barato fica!

No formato de grupo, é possível tanto reunir pessoas por um círculo afetivo, convidando amigos ou familiares próximos que queiram aprender o mesmo aplicativo, ou até participar por grupos por nivelamento, como o nível avançado de Whatsapp, por exemplo.

Espero que tenha te ajudado a ter mais clareza sobre como escolher um ótimo curso e incentivar seu familiar idoso a ter uma maior autonomia nas tecnologias básicas do dia a dia.

Veja também esses conteúdos sobre a Broder Online: